Meu chefe não veio ao trabalho nesta sexta-feira, então pude escrever mais do que o de costume, pois não haveria ninguém me reprimindo, ainda que tudo seja apenas coisa da minha cabeça. Tenho aprendido bastante sobre vários assuntos esses últimos tempos, porque estou sempre pensando, lendo experimentando e isso é bom.

O duro de tudo isso é que a ansiedade fica “topada” e isso gera um nevoeiro mental: dúvidas e mais dúvidas surgem, requerem mais conhecimento e geram mais dúvidas, requerem mais conhecimentos e mais tomada de decisão. É muito difícil ser ansioso e querer não errar nas decisões.

Passei os últimos anos estudando para concursos. Tive um bom retorno. Se não fosse isso, certamente eu e minha família estaríamos passando fome hoje, mas nossa situação é de estabilidade. Continuo estudando, mas os investimentos meio que estão dividindo a minha atenção. Toda hora eu olho o maldito home broker e o pior é que eu sei que isso é uma merda. Está me atrapalhando muito. É como se esse dinheiro fosse uma maldição, só mais um fator de ansiedade.

Para diminuir a ansiedade, parei de contar calorias (meu resultado físico piorou), parei de contar copos de água (meu resultado físico e mental pioraram), parei de estudar e resolver questões marcialmente (meu resultado nos concursos devem piorar). Agora, se eu conseguisse diminuir minhas idas ao home broker, meus questionamentos sobre minhas opções de quais ações escolher, certamente minha performance em todas as outras áreas irá melhor, até mesmo na área de investimentos, uma vez que vou parar de girar. É o melhor custo benefício de todos!

O pior que tenho plena ciência de que quanto menos se mexe, melhor. O foco tem que ser na seleção dos ativos e, depois, deixar os meninos performarem. Me recuso a aceitar que o preço não importa. Importa sim! Todavia, acho que o Bastter tem razão em boa parte do que diz, principalmente quando diz que devemos focar no aumento da renda, investir em valor e na família e coisas desse tipo. Cara, a vida ficou muito mais difícil com essa merreca que eu tenho investida. Isso deveria ser uma melhora de vida e não piora.

Preciso parar de dividir a minha atenção entre investimentos e o estudo para concursos. Estudar para concurso é que vai me trazer o maior retorno. Disso eu não tenho dúvidas. Quando eu conseguir ser auditor fiscal, consigo aumentar meu consumo mesmo poupando 50% da minha renda líquida. Já pensou? Viver melhor e ainda poupar 50%. Que sonho! Preciso largar grupos de investimentos, livros de investimento, pensamentos sobre investimentos e ficar no aumento da renda.

Poupando 50% do salário de um auditor, consigo dobrar o patrimônio investido em cerca de 1 ano. Não faz sentido dividir o meu tempo entre “cuidar dos investimentos” e aumentar a renda. Ora, se eu investir no ABEV3 terei preocupação? Se eu investir em GRND3 terei preocupação? ITSA3? BBDC3? ODPV3? QUAL3? Não quero ficar acompanhando demonstrações financeiros, releases, blá blá blá. Isso é coisa para quem não tem o que fazer. Agora, eu preciso aumentar a minha renda.

A partir do momento que eu for auditor, ai sim poderei me preocupar com os vários livros que sonho em ter tempo de ler: o investidor inteligente, ações comuns lucros extraordinários, ações para o longo prazo, margin of safety e outros tantos. Cara, será ótimo. Mas primeiro, aumentar a renda! Por enquanto, o que faço com esses tickers todos? Não tenho a mínima ideia. Só sei que preciso ficar leve pra focar nos estudos.

Mês que vem estarei de férias, preciso arrumar um jeito de focar 100% nos estudos. O concurso da receita deve sair em breve e não posso mais perder tempo. Temo que minha performance não seja suficiente, principalmente na redação. Um dos objetivos do blog foi o aprimoramento da escrita. Notei que dei um salto, embora ainda seja péssimo. Agora, falta adaptar o estilo de escrita para o mundo dos concursos: introdução, desenvolvimento e conclusão.

Enfim, muitas coisas na cabeça. Preciso diminuir o ritmo do envolvimento com o mundo dos investimentos e deixar tudo no piloto automático, afinal, já tenho um trabalho, sou servidor público. Não posso arrumar outro de “analista de empresas”. Quando eu não precisar mais estudar para concursos, terei o prazer em focar mais e ter uma rentabilidade maior.

 

Anúncios

6 comentários em “Investimentos, Estudos, Ansiedade e Aumento de Renda

  1. Me encontro em uma situação bastante semelhante a sua. A diferença é que estudo para medicina. Olha, o negócio é ter disciplina e deixar o estudo de investimentos para o final de semana, nem que seja apenas uma hora. Eu também tento lutar contra a vontade de olhar o home broker, mas o importante é tentar esquecer isso tentar procurar uma trabalho melhor.

    Como já estou ficando velho não posso ficar atrasando minha aprovação, por isso que estou estudando feito um louco para ser aprovado em 2019. No seu ficaria ruim porque você ficaria esperando até o próximo concurso.

    Curtir

  2. Já pensei em escrever algo para os menos inexperientes no mercado , mas me falta tempo hábil para escrever reflexões com qualidade, portanto vou ser direito.

    A primeira coisa que você deve pensar é na relação produtividade por hora trabalhada, quanto sua hora trabalhada vale e quanto você pode agregar com estudos , melhores empregos, extras etc.

    Ex: Você ganha um salário líquido de 3.000 líquidos de IR e outras mazelas, adiante você divide este saldo líquido pela hora trabalhadas no mês. Pronto você vai perceber quanto vale sua hora trabalhador no mercado.

    O segundo passo é tentar maximizar este valor hora agregando valor e ganhando mais dinheiro em menos tempo.

    Como vai fazer isso? não existe receita do bolo! Porém o assalariado médio vai chegar a seguinte conclusão: Melhores empregos, extras, empreendedorismo , bicos etc.

    Resumo foque na sua carreira primeiro pois aporte ainda é fundamental na sua fase, leia releases anuais ou semestralmente e compre apenas empresas de primeira linha, vai ganhar menos dinheiro? Sim você vai ! porém existe um calculo muito simples de fazer que todo investidor iniciante deveria usar.

    Enquanto seu aporte for maior do que 1% a.m do seu patrimônio deve focar em fazer mais dinheiro no trabalho, quando chegar em montantes realmente grandes aonde estratégia de investimentos comecem a fazer mais efeito deve dispor mais tempo para ganhar um por fora no mercado.

    EX: Uso mercado como forma de aumentar minha renda , sim eu gastos horas lendo balanços e fazendo cálculos.

    Este conhecimento não veio de graça são pelo menos uns 6 anos de estudo cumulativos, economia, matemática financeira, contabilidade, valuation etc.

    Porque faço isso ? Porque meu trabalho não pode agregar mais valor do que dinheiro que faço atualmente no mercado, ou seja atualmente ganho mais dinheiro gerenciando minha carteira do que tentando aumentar minhas fontes de renda.

    Estou no talo e não tem mais onde cortar e maximizar minha renda sem gastar rios de dinheiro, então foco no que sou melhor analisar balanços e traçar cenário macro.

    Mas no começo da caminhada foquei no aporte e até hoje ainda faço bom aportes e com bastante frequência.

    Algumas vezes uso parte da carteira com trades para maximizar minha caminhada.

    Outro ponto você deve ter boas empresas e aportar nelas, mas nunca se esqueça do preço, sim ele importa e faz toda diferença, porém nem sempre você vai comprar empresas boas com valuation favorável a não ser nas grandes crises.

    Me alonguei um pouco, mas espero que tenha sido claro:

    Se você aporta pouco nada adianta fazer 20% a.a num patrimônio ainda pequeno, mas obviamente adiante isso deixa de ser verdade porque seu aporte vai se tornar insignificante perante seu patrimônio.

    Neste instante você tem duas opções aumenta aporte ou gerencia carteira de forma profissional.

    Sobre ansiedade, esquece o mercado! Analise balanços anualmente e mantenha tudo no automático.
    Mercado de alta? compre metade em ações de primeira linha , deixa metade em renda fixa.

    Mercado de baixa compre 100% renda variável, garanto que vai ser mais feliz assim .

    Se vier uma crise você vai ter caixa para comprar mais ações na baixa e se não vier metade da carteira vai decolar.

    Além disso você pode ir lendo livros de investimento , contabilidade , valuation tranquilamente nas horas vagas.

    Abraço

    Curtido por 1 pessoa

    1. Muito bom comentário Mestre, você deveria escrever uma postagem sobre isso.

      Maestro, entenda que o conhecimento no mercado financeiro cresce exponencialmente com o tempo. Aprenda a alocar o seu tempo de forma que você esteja tranquilo e de acordo com a sua estratégia.

      Sucesso e abraço.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s