Este mês resolvi diversificar adquirindo ações. Como não posso comprar lotes completos de ações devido ao pequeno montante do aporte, resolvi comprar um lote do ETF DIVO11, que segue o índice das ações de maior distribuição de dividendos. Acredito que as ações que compõe este índice possuem qualidade superior que as que compõem o BOVA11.

Papel Qtde Preço (R$) Valor (R$)
DIVO11 10 35,97  359,70

A carteira ficou com o BRCR11 (saiu o relatório de Janeiro) e o DIVO11. Vou manter a carteira apenas com esses dois ativos todo o ano de 2017. Afinal, os aportes são de pequeno volume e eventual perda decorrente da falta de diversificação não causará tanto dano. Além disso, fica bem fácil de acompanhar os relatórios mensais do FII.

O relatório do BRCR11 já expressa os novos estoques de imóveis em São Paulo, bem como as poucas negociações no Rio de Janeiro. Também afirmam que têm muito caixa, além de grande potencial de alavancagem, mas preferem esperar oportunidades para adquirir novos imóveis. Segundo o cálculo da administradora, o retorno do papel é superior ao do CDI, líquidos de impostos: não informou o período.

Os papéis que compõem a carteira estão indicando que terão um bom desempenho este mês. Então, o fechamento tende a ser só alegria. 🙂 Até!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s